1. Buscar

  2. Buscar

Blog

Preços de apartamentos estabilizam - JC 10/03/2016

[...] Segundo Bruno Pegorin, diretor de Economia e Estatística do Secovi em Bauru, acomodação saudável e esperada após a curva   ascendente resultante do forte aquecimento do mercado imobiliário na última década.

“Há um limite para oscilação de preço, para cima ou para baixo, de acordo com a capacidade de pagamento do comprador e com a infl ação, que aumenta os custos do empreendimento com matéria-prima e mão de obra”, pondera. Pegorin argumenta que, mesmo após o ‘boom’ imobiliário experimentado pelo setor, ainda há uma grande demanda reprimida por imóveis na cidade.Mas, diante de um momento de incerteza econômica, desemprego e restriçãode acesso ao crédito, uma parcela destes potenciais compradores pode se manter em posição de cautela. “Com isso, há um movimento de acomodação. Uma construtora com unidades em estoque irá aguardar que este volume chegue ao mínimo para lançar um outro empreendimento. Mas nada vai justificar uma queda brusca de preços para o futuro”, cita.

Leia a matéria Completa:

http://www.jcdigital.com.br/flip/Edicoes/16768%3D10-03-2016/005.PDF

 

 

 

Portão Imóveis © 2013 - Todos os direitos reservados. Creci 11214-J